Segundo o laudo técnico, o cultivo da soja já considera o prejuízo de mais de 1,8 mihão de sacos.

Prefeito Municipal, Carlos Augusto Brum de Souza juntamente com o Secretário de Administração, Giovani Dalmás, estiveram, na manhã desta quarta-feira, dia 15, com os vereadores da situação e com José Luis da Silva, Extensionista da Emater Tupanciretã, para tratar da estiagem que vem afetando a agricultura no Município.

Através do laudo técnico dos prejuízos, elaborado pela Emater de Tupanciretã, o prejuízo total das culturas atingidas pela seca, acumulam mais de 153 milhões de reais só no município. Diante disso, o Prefeito Municipal decretou situação de emergência, buscando meios para facilitar o recebimento de recursos, ajudando também a renegociação de dívidas, além de amenizar os problemas dos agricultores.

Segundo o laudo técnico, o cultivo da soja já considera o prejuízo de mais de 1,8 mihão de sacos.

Data de publicação: 15/01/2020

Compartilhe!