Tupanciretã se emociona com a 2ª Solenidade do Casquete da EMEF Cívico Militar. Cel. Gonçalves Terra.

A noite de quinta-feira, 29 de junho, foi repleta de emoção para quem presenciou a 2ª Solenidade do Casquete da EMEF Cívico Militar Cel. Marcial Gonçalves Terra. O Ginásio do Ferreirão encheu-se por todos os lados com familiares e amigos, observando atentamente a expressão no rosto dos alunos que recebiam os casquetes dos padrinhos.

O evento contou com a ilustre presença da Banda de Música da 3ª Divisão do Exército –  Divisão Encouraçada de Santa Maria. A solenidade teve início com a entrega dos casquetes pelo Prefeito Gustavo Terra e pelo Tenente Coronel QOEM Paulo Antonio Flores de Oliveira do Comando Regional da Polícia Ostensiva do Alto Jacuí (CRPO AJ) a seis alunos: Augusto Antonello Andreatta, Bernardo Pereira Silva dos Santos, Dhiovana Eduarda Peixoto Marques, Estevan Santos da Luz, Júlia Cardozo Rodrigues Moreira, e Kelly Vitória Oliveira Fáifer.

Após a entrega dos casquetes, com cada série recebendo a sua em ordem decrescente do 9º ao 1º ano, o Diretor da EMEF Cívico Militar Coronel Marcial Gonçalves Terra, Bladimir Pereira, e a Secretária de Educação, Rosani Didoné, discorreram sobre a importância e os diferenciais de uma Escola Cívico Militar na educação de crianças e jovens, privilegiando a valorização moral e cívica. O Diretor Bladimir Pereira agradeceu ao Prefeito Gustavo Herter Terra por apoiar a iniciativa de criação de uma Escola Cívico Militar em Tupanciretã. Ele enfatizou a importância do casquete, que não apenas valoriza o uniforme escolar, mas também promove um sentimento de pertencimento entre os alunos. Pereira elogiou o compromisso dos alunos com a disciplina, os valores e a ética, atribuindo suas conquistas ao trabalho em equipe entre professores dedicados, funcionários, pais e alunos.

O vice-presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Benhur Terra reconheceu o alinhamento das famílias em abraçar os valores de disciplina e patriotismo ensinados na escola. Ele elogiou o foco em incutir essas qualidades essenciais na geração mais jovem e reconheceu a importância da bandeira verde e amarela como símbolos de orgulho nacional.

Em suas palavras, o Deputado Estadual e Presidente da Frente Parlamentar, Capitão Martim, ressaltou sua experiência em escola militar e da emoção estar presente no evento. Ressaltou sobre a importância das Escolas Cívico Militares no Rio Grande do Sul e destacou o sentimento de patriotismo incutido nos alunos. Além disso, o Tenente-Coronel Zucco, autor da Lei das Escolas Cívico Militares do Rio Grande do Sul, parabenizou todos os envolvidos no evento. Ele ressalta “O modelo Cívico Militar tem uma grande vantagem de trabalhar os valores que eu chamo  de atributo das áreas afetivas, a liderança, a iniciativa, o respeito com o colega,  o patriotismo, como é lindo vir a Tupanciretã e ver os alunos  cantarem o hino nacional”.

O Prefeito Gustavo Herter Terra agradeceu a presença de todo, mas principalmente  aos pais dos 227 alunos que acreditaram nesta escola.

Ele ressalta “Estou muito honrado, de aqui ser lançada a Frente  Parlamentar da Escola Cívico Militar, hoje pelo Capitão Martim” [...] Estamos anunciando aqui um projeto de ampliação de números de salas de aulas para esta escola, uma capacidade para mais 240 alunos, para podermos atender as demandas dos pais, dos cidadãos que valorizam a pátria, a bandeira de Tupanciretã. Gustavo destacou a importância de cada cidade ter sua própria Escola Cívico Militar e afirmou que pretende levar essa demanda ao Governador Eduardo Leite.

Por fim, o Prefeito entregou uma comenda ao Tenente Coronel Zucco como forma de agradecimento pela dedicação e comprometimento com a educação do Rio Grande do Sul, através da Escola Cívico Militar.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Data de publicação: 30/06/2023

Créditos: Priscila Brum França

Créditos das Fotos: Priscila França/ Tamara Louzada

Compartilhe!